• Jubileu de Diamante

Ano Jubilar

Goiânia,29 de Dezembro de 2016, às 16h15.

Em 2017, Arquidiocese de Goiânia comemora 60 anos de instalação

 

Desde 14 de novembro de 2016, a Arquidiocese de Goiânia vive um tempo de graça, que prossegue até junho de 2017. Trata-se do Tempo Jubilar pela comemoração dos 60 anos de instalação da Arquidiocese de Goiânia. Considerando a rica caminhada de fé da nossa jovem Arquidiocese, o Santo Padre Francisco concedeu um Tempo Jubilar de celebrações especiais, a fim de oferecer amplas oportunidades de acesso aos Sacramentos, com a devida preparação, e também para lucrar Indulgências Plenárias e a Bênção Papal. 

Durante o Tempo Jubilar Arquidiocesano receberão a Indulgência Plenária os fiéis que, com ânimo desapegado de qualquer pecado, visitarem a Catedral de Goiânia e o Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade, cumprindo as condições, segundo as orientações litúrgico-pastorais.

Por ocasião do encerramento do Tempo Jubilar, às 18h do dia 17 de junho de 2017, a Arquidiocese celebrará o seu Jubileu de Diamante em missa campal, na Praça Cívica, quando Dom Washington Cruz dará a Bênção Papal com Indulgência Plenária para todos os fiéis que participarem da celebração. 

Os fiéis que receberem com devoção a Bênção Papal, mesmo sem poder participar fisicamente dos ritos sagrados, por alguma circunstância razoável, poderão lucrar a indulgência, desde que acompanhem em união espiritual os mesmos ritos transmitidos ao vivo pela televisão e pela rádio.

 

História

A Arquidiocese de Goiânia foi criada em 26 de março de 1956, pelo papa Pio XII, por meio da Bula Pontifícia Sanctíssima Christi Voluntas, e instalada em 16 de junho de 1957, quando então tomou posse seu primeiro arcebispo, Dom Fernando Gomes dos Santos. A solenidade de instalação da Arquidiocese de Goiânia aconteceu na Catedral Nossa Senhora Auxiliadora e teve a presença do núncio apostólico da época, Dom Armando Lombardi,  e diversos outros bispos da Província Eclesiástica de Goiânia.

A nova Igreja particular se estendia desde a nova capital, passando por Caldas Novas, Catalão, Cristalina, Ipameri, Morrinhos, Pires do Rio, até Planaltina (GO). Ficaram sufragâneas de Goiânia, a Igreja de Porto Nacional (TO) e as dioceses de Goiás, Jataí e Uruaçu, além das prelazias de Tocantinópolis, Cristalândia e Formosa.

 


Cúria Arquidiocesana

Praça Dom Emanuel, s/n°, Centro. Goiânia-GO - Caixa Postal 174 – CEP: 74001-970
Fone: (62) 3223-0756